Pelo menos 54 bois, entre adultos e filhotes, foram encontrados agonizando em um sítio no município de Paraíso, interior de São Paulo. Sem água e comida há cerca de 20 dias, alguns não resistiram às péssimas condições e morreram.

novilho definha sem água e alento (Foto: Divulgação/Polícia Ambiental)

A Polícia Militar Ambiental de Catanduva, do mesmo modo no estado de São Paulo, foi acionada e esteve no local. O proprietário do sítio onde os bois viviam foi autuado e multado em R$ 140 mil por maus-tratos.

Os bois que sobreviveram foram resgatados e levados na direção de uma círculo em Catanduva, onde receberão todos os cuidados necessários.

Pelo menos 54 bois foram encontrados agonizando em sítio (Foto: Divulgação/Polícia Ambiental)

Nota da Redação: crimes que atentem contra a vida de vivo devem ser punidos de forma exemplar. Apesar de concordar com a multa aplicada neste caso, a ANDA reitera a necessidade de deixar de conceituar tais crimes como de menor potencial ofensivo e de acrisolar as atuais as leis existentes contra maus-tratos, na direção de que casos graves como esse sejam punidos não só com multa, mas do mesmo modo com detenção.

Bois são encontrados agonizando sem água e alento no interior de SP

Fonte